Segunda-feira, 13 de Abril de 2015

Março de 2015 no Lar Residencial

Abril já vai avançado, mas ainda temos as nossas aventuras de fim-de-semana em Março para vos contar.

  • A inaugurar Março, logo no dia 1, começaram também os nossos domingos de baile. De nome oficial “Chá Dançante” é por nós reconhecido de diferentes formas. A Madalena levanta os braços, posiciona-os em modo de baile e pergunta “Bailando, vou?”. O certo é que se da primeira vez foi um momento completamente deslumbrante, da segunda vez que fomos, dia 15 de Março, foi um momento procurado com enorme expectativa. Com um sorriso de orelha a orelha o João perguntava expectante “Domingo é baile, não é?”. A dançar sozinhos, formando pares entre nós ou formando par com alguém que acabamos de conhecer o certo é que ninguém saiu do Centro de Cultura e Desporto sem viver um momento diferente, nem que fosse como o Vítor, com risos mais ou menos discretos, enquanto apreciava diversos parzinhos pelo canto do olho. Mais fotos e detalhes poderão ser consultados aqui.

chádançante.jpg

  •  No dia 21 de março, com a primavera a anunciar ter-se instalado nos calendários, chegou também o que a primavera nos traz de melhor: um clima mais ameno com a promessa de aproveitarmos melhor os espaços exteriores. Contudo, convém não esquecer que ao aproveitar temos outra responsabilidade: cuidar. E para promover os cuidados ao ambiente, nada melhor do que aderirmos à iniciativa da junta de freguesia de São João da Madeira que se juntou também a uma iniciativa maior “limpar Portugal” fazendo uma caminhada pela terra. Fizemos a primeira parte do trajeto, da praça luís ribeiro ao jardim da cidade, para refletir sobre o primeiro dos 3 R’s (reduzir, reutilizar, reciclar). O João logo sugeriu que no jardim da cidade deveríamos “reduzir o lixo” e a Joaquina pensou logo nas propriedades naturais daquele espaço para melhorar o nosso bem-estar “reduzir o stress e aproveitar a natureza”. Mais fotografias aqui.

caminhadapelaterra.jpg

  • A terminar Março, dia 29, tivemos uma visita de 4 patas: chama-se Pin e veio até nós graças à Ani-São João. A empatia foi imediata e juntos construímos mais uma história de dar e receber. Mais detalhes poderão ser consultados aqui.

FullSizeRender-9.jpg

 

A escolha de fotografias para tornar cada espaço mais nosso, os jogos lúdicos e as idas ao café são atividades que continuam. Afinal, coisas tão simples como escolhermos e pagarmos o nosso próprio café têm um significado importante ao nível da nossa auto-determinação. Além disso, os nossos planos são uma decisão conjunta. Afinal, o fim-de-semana é um momento de lazer e um espaço por excelência nosso em que as nossas vontades e opiniões se devem fazer ouvir. Claro que às vezes temos planos extravagantes e da lista de desejos faria parte, por exemplo, uma viajem de avião até à nossa capital, Lisboa, mas entre desejos e sonhos, vamos negociando e aprendendo a construir expectativas realistas. Importa ainda referir que encontramos prazer nas pequenas coisas, como as brincadeiras com as colaboradoras, que afinal fazem, muitas vezes, os mais valiosos momentos. Isso, e a surpresa, que tal uma paragem a meio do percurso para assistir a uma partidinha de ténis? O segredo nem sempre é planear mas também aproveitar o que nos surge.

 

IMG_9025.JPG

IMG_9029.JPG

IMG_9048.JPG

IMG_9049.JPG

Até breve!

publicado por CERCISJM às 22:33
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 9 de Março de 2015

Fevereiro de 2005 no Lar Residencial

Fevereiro é já de si um mês curto e como piscou o olho à festa pareceu ainda mais apressado. Como se costuma dizer passou num abrir e fechar de olhos, mas para garantir que a memória não segue a dimensão do mês (memória curta), cá ficam os melhores momentos para recordar:

  • No início do mês assistimos ao Carnaval das Escolas de São João da Madeira. Nesse dia, deixamo-nos contagiar pelas cores que engoliam a cidade e prometiam a entrada num universo paralelo. Um universo onde as palavras de ordem seriam dançar, sorrir e sonhar. Mais fotos e detalhes poderão ser consultados aqui.

FullSizeRender-8.jpg

  • O "lar residencial" é, afinal, a nossa casa, o nosso espaço, um espaço onde nos reconhecemos e com o qual nos identificamos. Por isso, também nos dedicamos a enriquecê-lo e, para tornar cada canto cada vez mais nosso, dedicamo-nos a compôr algumas fotografias. Na hora de trabalhar não o fazemos só para o nosso quarto ou para a nossa fotografia. Embalados num verdadeiro espírito de união empenhamo-nos em organizar o que é de todos.
  • image9-3.jpeg
  • Além de trabalhar, também nos mimamos. E que tal uma massagem nas mãos - onde se diz que habitam milhares de terminações nervosas - para relaxar? Aprendemos e repetimos alguns gestos, mas as melhores massagens que recebemos foram sem dúvida aquelas em que os nossos colegas se deixavam levar pelos sentidos e mais do que a técnica contava a vontade de cuidar. Descobrimos que existem entre nós alguns peritos!

image10-3.jpeg

  • Este ano, o dia dos afetos e a forma como seria festejado na Cerci reservou-nos um desafio especial. Reunimos fotografias, fomos até ao centro comercial fazer uma cópia de algumas delas para nos certificarmos de que não perderíamos recordações; depois sentamo-nos à mesa para falar de um tema que nos tocou - a família. E, fosse a nossa família de origem, ou esta que reconhecemos que juntos agora constituímos, a verdade é que houve espaço para desabafos, histórias e muitas emoções - uma lágrima ou outra escapou. Desta atividade o presente melhor com que ficamos foram os momentos de partilha trocados, bem como a perceção de que às vezes choramos porque sorrimos por dentro, no quentinho das memórias.

image1-3.jpeg

  • image3-5.jpegimage4-5.jpeg
  • E quem disse que fim-de-semana era coisa de sofá? Por muito que de manhã a cama se faça quentinha e convide a um sono mais prolongado, à tarde demos corda às sapatilhas e preparamo-nos para zumbar. Em nenhum momento hesitamos, na escola EB1 de Fundo de Vila juntamo-nos ao grupo, e sem ponta de cansaço, vibramos. Vá, um descontinho, alguns de nós precisam de muitas pausas, mas nem por isso, fosse a dançar ou tão simplesmente a gritar (como pedem os momentos de maior entusiasmo), deixamos de participar! Mais fotos e detalhes poderão ser consultados aqui.
  • O que provavelmente também não sabem é que alguns dos nossos melhores momentos não têm mês próprio, nem data marcada, acontecem tão simplesmente à mesa. Como mandam as melhores regras de etiqueta, não comemos até que todos estejamos servidos, mas assim que avistamos bandeira verde - isto é, assim que vemos que todos estamos prontos e se celam os votos de "bom apetite" - não sabem a pressa, nem sonham os sabores, dos pratos com que nos deliciamos.

FullSizeRender-7.jpgimage8-4.jpegimage7-3.jpeg

Se Fevereiro já foi, Março já cá está. Dizem que é mais um mês de comemorar, partilhar e até de brincar. Quem disse que depois de adultos é tarde para sentar num baloiço e tentar chegar ao céu? Nós não desistiremos!

image5-5.jpeg

Até breve!

image11.JPG

publicado por CERCISJM às 21:27
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 8 de Fevereiro de 2015

Janeiro de 2015 no Lar Residencial

Cantava o Rui Veloso "Para mim hoje é Janeiro, está um frio de rachar, parece que o mundo inteiro se uniu para me tramar". E bem que Janeiro trouxe uns quantos dias cinzentos, umas quantas tardes de chuva, mas, ao fim-de-semana, nós fintamos o mau humor e enchemos o mês de momentos a recordar.

 

Ora vejamos:

  • Começamos o mês na Parada de Reis. Mais fotos e detalhes poderão ser consultados aqui.

parada de reis.jpg

  • No fim-de-semana seguinte uma tarde de chuva fez com que uma tarde de cinema fosse muito apetecida. Escolhemos o filme "Bruce, o todo poderoso". Apesar de alguns de nós já termos visto o filme, na televisão, desta vez conseguimos percebê-lo muito melhor. Com o filme dobrado, e não em Inglês, dobradas foram também as gargalhadas.

brucealmightyjimmorgan.jpg

 

  • Começamos a ler em conjunto um livro - "O Guarda da Praia", de Maria Teresa Maia Gonzalez. Reunimo-nos na sala, ouvimos a leitura e fazemos muitos comentários. Comentámos o que já de semelhante vivemos, a identificação que fazemos com alguma personagem e guardamos um capítulo para cada fim-de-semana. Antes da leitura da semana, recordamos o capítulo anterior e logo embarcamos numa nova aventura.

image4.jpeg

  •  As saídas para um passeio pela cidade e café fazem também parte dos momentos que não dispensamos. Pelo caminho trocamos histórias, cantamos, recordamos o nome de diferentes sítios da cidade e fazemos planos para passeios futuros.

image6.jpeg

image8.jpeg

image2.jpeg

image3-2.jpeg

image4-2.jpeg

  •  E porque não alguns jogos de tabuleiro? Cooperamos, ajudamo-nos uns aos outros a compreender os diferentes passos e etapas, controlamos tentativas de batota e tivemos garantidamente bons momentos.

image5.jpeg

 

Assim, ao contrário do que se passou na música do Rui Veloso, não nos parece que o mundo se tenha unido para nos tramar. Unimo-nos nós na certeza de que a cor do dia pode ser bem diferente daquela que está lá fora.

Até breve!

 

publicado por CERCISJM às 15:11
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 1 de Junho de 2014

Banco Alimentar

No fim de semana de 31 de Maio e 1 de Junho decorreu a campanha de recolha de alimentos do Banco Alimentar Contra a Fome e, claro está, nós também fomos solidários com esta causa e demos o nosso contributo.

 

 

No sábado à tarde a Joaquina, a Gabriela e a Irma (estagiária de Serviço Social) foram até ao Pingo Doce de Casaldelo ajudar na recolha de bens alimentares. Foi uma tarde muito importante para nós e fez-nos sentir úteis à sociedade. A Joaquina até referiu: “Eu não tenho dinheiro para comprar nada, mas assim, com o meu trabalho posso ajudar os outros”.

 

 

No domingo de manhã foi a vez da Cátia e do João participarem. De novo no Pingo Doce, passamos a manhã a entregar sacos e a receber alimentos. O João acondicionava os bens alimentares no carrinho enquanto a Cátia com toda a sua dinâmica entregava os sacos a quem queria contribuir.

No final e de regresso a casa todos os participantes desta atividade estavam contentes por poder participar e ajudar nesta campanha.

Foi muito agradável!

 

Temas:
publicado por CERCISJM às 23:52
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 26 de Maio de 2014

Mega Picnic

Hoje passámos um agradável dia no Parque Urbano do Rio Ul.

Participamos no “Mega Picnic” promovido pela Clinica de Saúde Leontina Santos, no Parque Urbano do Rio Ul, que se iniciou logo pelas 9h da manhã.

Fomos acompanhados pela nossa Assistente Social Drª. Dulce, a Irma (estagiária de Serviço Social) e a Vera (auxiliar pedagógica) que nos proporcionaram este maravilhoso dia ao ar livre.

 

 

Mal chegámos ao Parque e depois de arranjarmos um bom sitio para colocar as nossas mantas e cestas, fomos participar na aula de Zumba. Foi muito divertido!

Depois fomos até ao café descontrair e tomar um belo cafezinho. "Que bem que me soube este café!" - dizia a Joaquina.

Fizemos uma caminhada acompanhados pelos membros da ARMA (Associação Sanjoanense de Artes Marciais), a quem aproveitamos para agradecer o animado convívio, já que devido às nossas incapacidades, dividiram o grupo e fizemos 2 percursos: Um estendeu-se fora do Parque, em que participaram a Deolinda e a Cátia, e o outro mais curto, dentro do Parque, com o Vitor, a Luz, a Madalena, o João, a Joaquina e a Gabriela. Foi mesmo muito agradável!

Bem … depois fomos almoçar, todos sentados nas mantas… que bom!

O almoço estava muito bom, havia rissóis, panados, sumos, sandes e depois a D. Leontina partilhou connosco uma bela pizza e bola de carne, e ainda tarte de amêndoa. “Está muito boa, uma delícia - D. Leontina, obrigado”. - disse a Cátia. Também o João foi oferecer rissóis aos nossos amigos fazendo assim deste Mega Picnic um momento de convívio e interação entre os participantes.

 

 

 

No fim de almoço e depois de um bom descanso nas mantas, fizemos o rastreio de reeducação global postural (RPG), e ouvimos conselhos sobre como nos protegermos do sol.

Antes de terminarmos este belo dia, ainda participamos na aula de Zumba que decorreu à tarde.

De regresso a casa, todos estávamos cansados, mas muito felizes por este dia diferente que nos permitiu usufruir do Parque, do ar livre e de atividades dinâmicas com a comunidade…

Temas:
publicado por CERCISJM às 23:27
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 10 de Março de 2014

Ida à Torreira

No âmbito do projeto de Estágio em Serviço Social de Irma Dias “A Inclusão Social da pessoa com Deficiência e Incapacidade institucionalizada em Lar Residencial” foi realizado um pequeno passeio à Torreira com quatro clientes do Lar Residencial.

O Vítor, a Paula, a Deolinda e a Madalena mostraram-se muito alegres e ansiosos logo que souberam do passeio.

 

  

Fizemos uma visita à Colónia de Férias da Torreira, com vista sobre a ria, onde passeámos e visitámos as instalações. Esta Colónia de Férias acolhe anualmente, vários grupos de pessoas, entre elas as pessoas com deficiência e incapacidade, proporcionando o contato intergeracional com outros grupos, conciliando o divertimento com atividades de carácter educativo, cultural e desportivo.

 

 

Depois fomos até à beira mar usufruir do sol radioso e da agradável aragem marítima onde acabámos por lanchar. Foi uma tarde diferente e animada que alegrou os participantes e os fez viver um momento diferente, fora da rotina diária e contatando com espaços diversificados.

Temas:
publicado por CERCISJM às 21:37
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 27 de Abril de 2013

Batismo de Mergulho - Semana da Terra

O Real Sub, a secção de mergulho da Real Sociedade da Praça, nesta Semana da Terra, deu uma prenda a dois residentes do Lar Residencial: a experiência de fazerem mergulho com botija.

A Gabriela e a Joaquina  demonstraram interesse em viver essa experiência e, hoje à tarde, de fato de mergulho e botijas às costas, lá tiveram o seu batismo de mergulho.

A Gabriela adorou!! Dentro da água nem sentia a sua deficiência motora.

Já a Joaquina... teve falta de ar! Não conseguia controlar a respiração. Os colegas, nas bancadas, bem a incentivavam mas ela não conseguiu ultrapassar as dificuldades.

No entanto, ambas gostaram da experiência e agradeceram aos membros da Real Sociedade da Praça por uma tarde tão bem passada.

 

Notícia no Labor: http://www.labor.pt/noticia.asp?idEdicao=373&id=19175&idSeccao=3935&Action=noticia

Notícia no Regional: http://www.oregional.pt/pt/newspaper/3459/local/associacoes-mobilizaram-se-para-a-semana-da-terra.html

 

Temas:
publicado por CERCISJM às 22:44
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 19 de Abril de 2010

Compostagem Doméstica de Resíduos Sólidos

Hoje, nós, os Utentes do Lar de Acolhimento da Cerci de São João da Madeira realizámos uma visita ao Instituto de Línguas dessa cidade com o intuito de aprendermos a realizar o processo de decomposição controlada de matéria orgânica feita através de microrganismos como fungos e bactérias.

Uma vez que a Cerci irá receber um compostor em breve, esta visita tornou-se fundamental pois seremos nós a preparar o compostor e a tratar da sua manutenção. Durante a visita foi-nos apresentado o compostor e explicado o procedimento para a sua preparação. Inicialmente é necessário colocar uma camada de paus sobrepostos de forma cruzada para permitir a entrada de ar e de agentes fundamentais para a compostagem (ex: minhocas, …); de seguida é colocada uma camada de folhas secas (se não houverem folhas pode-se colocar palha ou aparas de madeira); por último são colocados os resíduos sólidos como relva cortada, cascas e restos de legumes e frutas (ex: batata, cebola, cenoura, nabo, maçã, banana, etc.). Estes resíduos devem ser cortados em pequenos bocados para facilitar o processo de compostagem. Foi-nos também explicado que não devemos colocar no compostor carne, peixe, espinhas e cascas de citrinos porque, além de produzirem maus cheiros e atraírem animais indesejáveis ainda têm um tempo de decomposição maior, o que vai alterar o processo normal de compostagem dos outros resíduos. Para obter um bom resultado é preciso ter o cuidado de ir regando o compostor, para que seja obtido um nível óptimo de humidade e colocar uma camada de terra entre algumas camadas de resíduos para criar um ambiente de excelência aos microrganismos existentes.

 

Chamaram-nos também à atenção para o facto de que o compostor não deve ter fundo e deve estar em contacto com o solo, assim como deve ter entradas de ar nas suas paredes para facilitar o processo. Assim, ao fim de três meses iremos ter o composto (produto resultante da compostagem) que irá ser aplicado nas plantas do nosso jardim como adubo natural, sendo mais económico e amigo do ambiente que irá substituir o uso de fertilizantes químicos que são prejudiciais para o solo.

Temas:
publicado por CERCISJM às 23:20
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 28 de Março de 2010

Fundanças: Danças na EB1 de Fundo de Vila

Hoje, nós, residentes do Lar Residencial da CERCI, fomos convidados a assistir a uma Festa na Escola de Fundo–de-Vila.

Esta Escola organizou um Festival de Dança que se chama “Fundanças” em que cada turma de alunos faz uma demonstração de uma dança.

Neste ano, as músicas escolhidas foram da América do Sul pelo que eram músicas e danças bem alegres e mexidas. A terapeuta Antónia e a monitora Susana foram connosco. Quando chegámos à escola fomos logo muito bem recebidos pela professora Salomé, que já trabalhou na CERCI e nos conhece, e pela Directora da Escola. Foram muito simpáticas em nos terem convidado e nós tivemos muito gosto em poder assistir e aplaudir aos vários grupos de dança assim como outros convidados que também participaram como um grupo musical e outro de teatro. A tarde estava muito agradável porque estava sol que, depois desta chuva toda, também sabe muito bem. Lá na Escola tinham uma barraquinha de venda de doces pelo que se comprou uma fatia de bolo de chocolate para cada um de nós. Às 5h despedimo-nos da Festa e regressámos à nossa casa onde lanchamos um chazinho com a fatia de bolo que tínhamos comprado.

Para o ano esperamos que se continue a realizar o Festival “Fundanças” pois é uma alegria para todos!!!

Temas:
publicado por CERCISJM às 23:22
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 6 de Fevereiro de 2010

Fomos ver o Carnaval das Escolas

 

Hoje fomos assistir ao Desfile de Carnaval das Escolas juntamente com a terapeuta Antónia e a monitora Maria do Céu.

Foi uma manhã diferente, com muita música, muita cor das fantasias de Carnaval e só foi pena não ter sido um dia de Sol… mas, vá lá, também não choveu! O tema deste ano era sobre os diferentes Animais e Plantas que vivem no Planeta Terra. Por isso, vimos muitas fantasias de animais selvagens, de animais domésticos e de flores.

Foi um espectáculo muito bonito! A seguir fomos tomar um sumo e um bolo à pastelaria Santo António e depois regressamos à nossa casa.

 

 

Temas:
publicado por CERCISJM às 20:39
link do post | comentar | favorito
|

Blogue da Resposta Social "Lar Residencial" da CERCI S. João da Madeira.

Contacte-nos

 

Abril 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Notícias recentes

Março de 2015 no Lar Resi...

Fevereiro de 2005 no Lar ...

Janeiro de 2015 no Lar Re...

Banco Alimentar

Mega Picnic

Ida à Torreira

Batismo de Mergulho - Sem...

Compostagem Doméstica de ...

Fundanças: Danças na EB1 ...

Fomos ver o Carnaval das ...

Arquivo

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Junho 2014

Maio 2014

Março 2014

Abril 2013

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Junho 2009

Abril 2009

Junho 2008

Temas

todas as tags

Favoritos

O que é a Formação Profis...

O que é o Lar Residencial

O que é o CAO e a quem se...

Links

subscrever feeds

blogs SAPO